Ferrari chega o otimista e Red Bull acredita na recuperação após duas corridas abaixo das expectativas.

Horários para o GP do Canadá de F-1.

Acontece neste final de semana na cidade de Montreal, o GP do Canadá, nona etapa do campeonato mundial de Fórmula-1, em 2024.

Neste final de semana, as novidades são a renovação do contrato de Sergio Perez da Red Bull e a demissão de Esteban Ocon da Alpine.

Perez vinha sob pressão de não ter seu contrato renovado após cair da segunda para a quinta posição no campeonato de pilotos. Durante o GP de Mônaco, o mexicano se acidentou na primeira volta com a Haas de Magnussen e abandonou a prova sem pontuar.

Muitos torciam pela demissão do mexicano para que a Red Bull contratasse um piloto que andasse mais próximo do holandês Max Verstappen, mas Perez conseguiu renovar por 2 temporadas.

A Red Bull vive um período de instabilidade política/administrativa, após o escândalo de suposto comportamento inapropriado do chefe de equipe Christian Horner, da demissão voluntária do projetista Adrian Newey e de uma possível transferência de Max Verstappen para a Mercedes.

A princípio, Christian Horner decidiu manter a estabilidade na equipe com a contratação do mexicano que corre pela equipe desde 2021, com um salário de US$ 10 milhões e um dos maiores bônus da categoria que em 2023 foi de US$ 16 milhões, pela conquista do vice-campeonato de pilotos.

Grande Prêmio do Canadá F-1

09 de julho – domingo

Largada – 15:00 – 16:30

08 de julho – sábado

Classificação – 17:00 – 18:00

Treino Livre III – 13:30 – 14:30

07 de julho – sexta-feira

Treino Livre II – 18:00 – 19:00

Treino Livre I – 14:30 – 15:30

Horários para o GP do Canadá de F-1.

COMPARTILHAR

Escreva um comentário