Em seguida cruzaram Lando Norris da McLaren e George Russell da Mercedes.

Max Verstappen vence o GP do Canadá.

O holandês Max Verstappen venceu o GP do Canadá nona etapa do campeonato mundial de F-1.

A princípio, a vitória foi uma surpresa visto que a Red Bull apresentou performance instável durante todo o final de semana em Montreal.

Na largada, George Russell da Mercedes que conquistou a pole manteve a ponta sendo seguido por Verstappen, Norris, Piastri, Alonso, Hamilton, Ricciardo, Stroll e Magnussen.

A largada foi dada com pista molhada sendo que as Haas largaram com pneu de chuva total e com isso foram ganhando posições até as primeiras 10 voltas.

Contudo, com a pista secando os carros com pneus intermediários (a maioria) foram ganhando performance sendo que a Haas de Magnussen foi para o box trocar pneus.

Red Bull

Não tem mais o melhor carro, mas ainda é a melhor equipe com o melhor piloto da categoria. O mexicano Sergio Perez deu outro vexame (o segundo consecutivo) e abandonou a prova após rodar na pista e avariar o aerofólio traseiro, na 53ª volta.

McLaren

Aparece como a segunda força do campeonato superando as Ferraris. Desta vez, Lando Norris terminou na segunda posição e Oscar Piastri na quinta posição.

Mercedes

Eram as favoritas para vencer a prova visto os treinos de classificação. Contudo, Russell não conseguiu segurar o talento de Verstappen, mas ultrapassou Hamilton na penúltima volta e terminou na terceira posição.

Ferrari

A equipe italiana abandonou a prova com seus dois carros. Charles Leclerc abandonou com problemas no motor e Carlos Sainz rodou na pista e tocou a Williams de Alexander Albon, indo para os boxes para terminar a prova.

Aston Martin

Terminaram na sexta e sétima posições com Alonso e Stroll aliviando um pouco a pressão que pairava sobre a equipe.

Na 20ª volta, Norris que estava em terceira ultrapassou Verstappen assumindo a terceira posição.

Na volta 22, Russell cometeu um erro na curva antes da reta dos boxes e perdeu as posições para Norris e Verstappen.

Nas trocas de pneus Verstappen ultrapassou Russell e assumiu a ponta até o final da prova.

Mais uma vitória no mérito do holandês Max Verstappen. Getty Images

Com o resultado, Verstappen mantém a liderança do campeonato de pilotos e consegue a vitória mesmo não tendo o melhor carro da prova.

Próxima Prova: GP da Espanha – 23 de junho às 10 horas.

Max Verstappen vence o GP do Canadá.

COMPARTILHAR

Escreva um comentário